1. Início
  2. |
  3. Fcc Notícias
  4. |
  5. FCC apoia Espírito Santo na elaboração de Política de Formação de Professores
Avaliação | Processos Seletivos  
Pesquisa e Educação
Concursos
Avaliação | Processos Seletivos  
Pesquisa e Educação
Concursos

 

FCC apoia Espírito Santo na elaboração de Política de Formação de Professores

 

|07/01/19

*Com informações da Seduc ES

No final de dezembro, a Secretaria Estadual de Educação do Espírito Santo instituiu, por meio de portaria, a Política de Formação de Professores. O texto foi publicado no Diário Oficial no dia 28 de dezembro de 2018. O conjunto de ações foi elaborado após amplo processo de discussão com diversos atores envolvidos com a formação docente no estado. A FCC (Fundação Carlos Chagas), por meio de assessoria realizada ao longo de 2017 e 2018, contribuiu para a elaboração da proposta de política de formação, bem como de um plano de  implementação e de monitoramento da política.

Gabriela Moriconi, pesquisadora da FCC e uma das coordenadoras do projeto, explica que além de um diagnóstico, foram identificadas experiências internacionais e nacionais de formação continuada de professores consideradas exitosas e que, ao mesmo tempo, estivessem alinhadas às aspirações e diretrizes da secretaria do ES. “A análise dessas experiências permitiu extrair lições acerca de modelos, metodologias e processos de elaboração e implementação possíveis, de modo a contribuir para o desenvolvimento da política de formação de professores para o estado”, afirma.

O escopo da nova política envolve iniciativas de formação continuada voltadas para os professores da rede estadual do Espírito Santo, e também a atuação da Secretaria no regime de colaboração com os municípios no que diz respeito ao tema e, ainda, a articulação com as Instituições de Ensino Superior (IES) que oferecem cursos de formação inicial de professores no estado.

As estratégias que compõem a Política orientam-se pelas seguintes diretrizes: visão clara e compartilhada do trabalho docente de qualidade; diagnósticos sistemáticos acerca das necessidades formativas e delimitação de objetivos; seleção de conteúdos relevantes para a formação docente; foco na prática; desenvolvimento de comunidades de aprendizagem profissional; duração prolongada, intensiva e contínua; articulação com as demais políticas da rede estadual; formação de formadores da própria rede; acompanhamento e avaliação.

A Política para a Formação de Professores para o Estado do Espírito Santo está disponível no site da Seduc.

FCC
Skip to content