1. Início
  2. |
  3. Educação e Pesquisa | Pesquisas
  4. |
  5. Dialogicidade e representações sociais – vinda de pesquisador visitante do exterior – Ivana Marková

Dialogicidade e representações sociais – vinda de pesquisador visitante do exterior – Ivana Marková

Pesquisador: Adelina Novaes

Parceiro: University of Stirling, London School of Economics and Political Science

Financiamento: FCC, Unesco

Vigência: 2017

Descrição: Ivana Marková (London School of Economics and Political Science/UK; University of Stirling/Escócia) realizou, ao longo dos anos, variadas investigações sobre problemas sociais e psicológicos das pessoas com dificuldades de aprendizagem e com paralisia cerebral, focando-se sobretudo na linguagem, na comunicação e na interdependência entre Self e Outros, em uma perspectiva dialógica. Por outro lado, seus estudos sobre as representações sociais da democracia, da confiança e da responsabilidade na Europa pós-comunista envolveram pesquisas comparativas realizadas na República Checa, ­Eslováquia, Hungria, França e Reino Unido. Grande parte de suas pesquisas empíricas recorreu a grupos focais e a entrevistas. Por sua vez, os estudos teóricos sobre a epistemologia da psicologia social se preocuparam com críticas baseadas em pressupostos estáticos e mecanicistas da linguagem e do conhecimento, resultando no desenvolvimento de sua alternativa dialógica. Em consonância com sua trajetória investigativa, sua pesquisa atual continua a investir esforços no desenvolvimento da dialogicidade como epistemologia do senso comum e das práticas profissionais. Tal trabalho teórico ampara-se em pressupostos relativos à interdependência ética entre o Self e Outros, especificamente ao recorrer aos conceitos imaginação, confiança e responsabilidade, na sua associação com práticas profissionais dialógicas. Tendo em vista o extenso cabedal de estudos desenvolvidos por Ivana Marková, as atividades foram planejadas em torno de quatro eixos, a saber: ensino, orientação, pesquisa e difusão.

 

FCC
Skip to content