1. Home
  2. |
  3. Educação e Pesquisa | Pesquisas
  4. |
  5. Relações de convivência e participação em escolas públicas: respostas declaradas por diretores municipais ao Questionário Contextual da Prova Brasil

Relações de convivência e participação em escolas públicas: respostas declaradas por diretores municipais ao Questionário Contextual da Prova Brasil

Pesquisadora DPE/FCC: Angela Maria Martins (coord.)

Equipe de pesquisa: Maria Helena Bravo e Edmar Lucas Ferreira Sehnem (bolsistas CNPq)

Financiamento: Bolsa Produtividade (PQ2) CNPq

Vigência: 2020-2024

Descrição: A pesquisa dá prosseguimento a investigações anteriores, financiadas pela FCC (Projeto EPFC 0283) e pelo Edital Universal do CNPq (Processo n. 445406/2014-3). Em continuidade, este estudo pretende analisar as respostas declaradas por diretores de escolas municipais ao Questionário Contextual da Prova Brasil, com foco na seguinte questão central: Quais são as práticas declaradas sobre relações de convivência e de participação no espaço escolar, assim como sobre situações de indisciplina e conflito? Em outros termos, o estudo busca apreender suas percepções acerca do envolvimento da escola com pais (ou responsáveis) e com a comunidade do entorno, com vistas a identificar relações de convivência entre os professores, alunos, suas famílias e/ou responsáveis, diretores e funcionários, assim como entre as unidades de ensino e os atores sociais do contexto onde estão localizadas as escolas. Inicialmente, os itens serão agrupados para tratamento estatístico nas seguintes dimensões: organização e funcionamento dos órgãos colegiados; participação de famílias e demais membros da comunidade no espaço escolar; projetos extracurriculares; ações de voluntariado; ações desenvolvidas para o enfrentamento de problemas do cotidiano escolar, especificamente as que podem incidir em situações de indisciplina, conflito e violência. Em continuidade, serão realizados estudos de campo em redes municipais paulistas.

Skip to content